Notícias Cuiabá

Em entrevista Faissal exige fiscalização mais rigorosa dos aumentos de energia elétrica em MT

Em entrevista Faissal exige fiscalização mais rigorosa dos aumentos de energia elétrica em MT

Faissal quer mais fiscalização e estudo em relação aos sucessivos aumentos de energia elétrica autorizados pela Aneel e praticados pela Energisa em Mato Grosso

Por PAULO WAGNER

Em entrevista concedida ao telejornal Comunidades da emissora SBT Cuiabá, que foi ao ar nesta segunda-feira (04), o deputado Faissal Calil (PV) voltou a falar sobre o problema das tarifas abusivas e dos constantes aumentos de energia elétrica em Mato Grosso. O repórter Paulo Coelho, que conduziu a entrevista, destacou o trabalho pioneiro do parlamentar em denunciar os constantes aumentos na conta de luz que levaram a empresa Energisa ao primeiro lugar no índice de reclamações do Procon em Mato Grosso e a instalação de uma CPI na Assembleia Legislativa para apurar o caso.

Licenciado provisoriamente do trabalho legislativo Faissal disse à emissora que ao retornar à Assembleia, ainda este mês,  irá pedir sua inclusão na CPI que apura as denúncias e afirmou que a energia elétrica cara é um obstáculo para o desenvolvimento de Mato Grosso.

“É um obstáculo para pequenas produtoras, é um obstáculo para dona de casa e para o empresário também. Fiz um anteprojeto para redução de ICMS em cima da energia e acho que esse é um ponto crucial para instalar esta CPI”.

O parlamentar também destacou a necessidade de haver mais transparência em relação aos estudos que embasam a ANEEL para promover os sucessivos aumentos no preço da energia, fato que tem assustado a população.

“Foram cinco aumentos só este ano e pode esperar mais um no mês de novembro. Uma das alegações para isto é a escassez de recursos hídricos em nossos reservatórios, mas se tem escassez precisamos de uma alternativa, precisamos de uma válvula de escape e a energia solar é a válvula de escape, uma fonte de energia limpa, saudável que não agride o meio ambiente”, enfatizou Faissal.

Energia Solar

Em sua defesa da energia solar como alternativa para diminuição do preço da tarifa de energia elétrica, Faissal aproveitou para denunciar a tentativa de manobra recente empreendida pela ANEEL para tentar taxar a energia solar, manobra considerada um retrocesso para garantir energia mais barata e sustentável para população.

Nos bastidores da entrevista o parlamentar lembrou ao repórter Paulo Coelho a emenda supressiva apresentado por ele na Assembleia Legislativa, no último dia 9 de setembro, solicitando a permanência das isenções do ICMS sobre a geração de energias renováveis em contraponto a proposta do governador Mauro Mendes que propôs criar uma alíquota de ICMS de até 27% para a energia gerada pelo próprio consumidor.

“A taxação à energia solar seria igual um produtor que cultiva um pé de laranja em seu quintal e ao colher e levar 10 unidades para dentro da sua residência, encontrasse alguém do fisco querendo ficar com três frutos como forma de cobrar o imposto, sobre algo que não detém o direito, uma vez que não ocorreu circulação de mercadoria.O governador Mauro Mendes entendeu o alcance e a importância de nossa emenda e anunciou que seu governo deve excluir o setor de energia solar do projeto de taxação de ICMS pelos próximos quatro anos”, afirmou o parlamentar ao repórter do SBT.

De Volta ao Legislativo

No final da entrevista Faissal disse que em sua volta aos trabalhos na Assembleia Legislativa pretende continuar sua luta em defesa dos consumidores de energia elétrica do estado. Entre as medidas anunciadas, o parlamentar pretende mobilizar um trabalho de fiscalização para saber se os medidores instalados pela Energisa estão aferindo de maneira correta o consumo das empresas e residências. Ele pretende também fazer um requerimento para saber quanto de subsídio é destinado atualmente à empresa concessionária de energia  e como este subsídio está sendo revestido em benefício da população.

 

 

 

 

 

administrator

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte − dezenove =

Noticias Cuiabá Resultados da pesquisa por “” | Noticias Cuiabá | Politica Cuiabá Noticias Cuiaba | So midia Noticias Em entrevista Faissal exige fiscalização mais rigorosa dos aumentos de energia elétrica em MT | Notícias Cuiabá